Nova fuga em Pedrinha após paralisação de vigilantes

Publicidade
Detentos escaparam na madrugada de hoje por este túnel
Jornal Pequeno

São Luís, MA. A Secretaria de Justiça e Administração Penitenciária (Sejap) ainda não divulgou o número de presos que fugiram. Há informações desencontradas, que estimam esse número entre 8 e mais de 30 detentos.

Na semana passada – noite de quarta-feira, 10 –, 36 presos fugiram do Centro de Detenção Provisória (CDP), o chamado “Cadeião”, também em Pedrinhas, após uma caçamba (caminhão basculante) derrubar parte do muro dos fundos da unidade.

A caçamba havia sido roubada horas antes, num bairro de São Luís, e o motorista obrigado a participar da ação criminosa. Três dos 36 fugitivos foram recapturados.

Em meio à rotina de fugas em Pedrinhas, agentes penitenciários do estado – servidores concursados que prestam serviço nas prisões – iniciaram hoje uma paralisação de advertência, de 24 horas.

A categoria reivindica a moralização da segurança pública no Maranhão e a valorização dos agentes, que têm sido substituídos, paulatinamente, nos presídios maranhenses, por monitores de empresas terceirizadas.
Publicidade