Balsas manifesta contra aumento

Publicidade
Plenário da Câmara de Vereadores de Balsas Foto: Emanuel Lemos
Plenário da Câmara de Vereadores de Balsas Foto: Emanuel Lemos

População em protesto contra aumento de salários vereadores lota plenário da câmara em Balsas

A câmara de vereadores de Balsas, realizou sua primeira sessão após as eleições de 02 de outubro na manhã desta terça-feira (04) com uma multidão de pessoas que lotaram as dependências da casa.

O motivo de tanta gente na câmara seria a votação do aumento de salário dos vereadores prefeito, vice-prefeito e secretários municipais que havia sido anunciado na semana anterior e acabou não sendo votado.

Um grupo formou nas redes sociais um movimento que autodenominaram ‘Todos contra o aumento” e fizeram uma mobilização via rede sociais, comparecendo na sessão com uma carta aberta embasados na constituição brasileira. Art. 1, Parágrafo único: “Todo o poder emana do povo, que o exerce por meio de representantes eleitos”.

Dos 17 vereadores atuais apenas 8 se reelegeram, causando desânimo no princípio da sessão com uma pauta onde poucos vereadores protocolaram indicações. Nenhum destaque importante. Apenas alguns vereadores reeleitos que aproveitaram para passar suas mensagens a população.

O aumento de salário não constava na pauta do dia quando o vereador reeleito Gilson da Bacaba pediu ao presidente vereador Tião Saraiva para que representantes do grupo “Todos contra o aumento” lessem o documento que elaboraram, que se transformou em um projeto de lei pedindo revisão e correção da lei orgânica do município.

Vários discursos inflamados foram feitos, gerando tumultos com muita gente falando ao mesmo tempo. Alguns vereadores se manifestaram pedindo a redução para um salário mínimo outros pediram para zerar os salários.

Vereadora Fransuíla Farias propôs que os salários dos vereadores sejam um salário mínimo e que os salários dos secretários, do prefeito e vice-prefeito sejam também reduzidos.

Após muita discussão a câmara de vereadores recebeu o documento como projeto de lei que será analisado nas comissões e voltará a pauta na próxima sessão ordinária a ser realizada segunda-feira (10) ás 9:00 h da manhã.

Três novos vereadores eleitos em 2 de outubro participaram da sessão Graciliano Reis, Paulinho Massao e Thalyta Pavelich que disse que é a favor da redução de salários dos vereadores, mas que para esse vereador poder prestar um bom serviço a população ele precisa de ter suporte, condições de trabalho e recursos. Que em sua campanha visitou 48 povoados na zona rural e viu a necessidade das pessoas. Que o vereador precisa estar presente nas comunidades e precisa de recursos.

“Vim a câmara para fazer a minha visita orientada do meu curso de direito e me surpreendi com o público presente. É preciso que a população seja atuante não só e me momentos com esse, mas reivindicando seus direitos, sendo parceira do vereador, ajudando a trazer as melhorias que a cidade precisa”, disse a vereadora eleita.

Diário de Balsas
Publicidade