Belém: Éder Mauro fica neutro

Publicidade
O candidato a prefeito de Belém no primeiro turno Éder Mauro, do Partido Social Democrático (PSD), afirmou que a postura durante o segundo turno será de “neutralidade”. O anúncio foi realizado durante uma coletiva na tarde dessa sexta-feira (14) na sede do PSD Belém, localizada na avenida Senador Lemos, bairro do Umarizal.
Éder Mauro (foto de Whatsapp) foi bastante atacado por tucano Zenaldo Coutinho que disputa o segundo turno.
O deputado federal Éder Mauro (PSD) ficou em terceiro lugar, na corrida à prefeitura de Belém no 1º turno, com 128.549 mil votos conquistados.

Maneschy anuncia apoio a Edmilson

Em coletiva realizada na manhã desta quinta-feira (13), o professor e ex-reitor da Universidade Federal do Pará (Ufpa) Carlos Maneschy (PMDB), 61 anos, anunciou apoio ao candidato Edmilson Rodrigues (PSOL). No primeiro turno das eleições 2016, Maneschy teve 75.401 votos (9,70%), ficando em quinto lugar.

Na coletiva, Maneschy disse que quer mudança em belém e que o interesse no apoio surgiu tanto pelo aspecto pessoal quanto profissional. Aém disso, comentou que Edmilson assumiu o compromisso de dois projetos apresentados pelo ex-candidato: a construção de "Ceus" e do Posto de Saúde do Benguí.

Úrsula Vidal também apoia

Edmilson também conta com o apoio da ex-candidata Úrsula Vidal Fortunato, que obteve no primeiro turno das eleições 79.968 votos, alcançando o quarto lugar entre os candidatos que concorriam ao cargo de Prefeito de Belém.

Rodrigues também é apoiado pelo deputado estadual e ex-candidato a prefeito de Belém Lélio Costa, do Partido Comunista do Brasil (PCdoB), que teve 5.900 votos.

Todos os candidatos a prefeito de Belém no 1º turno
Todos os candidatos a prefeito de Belém no 1º turno. Imagem: TSE
Perfil

Carlos Edilson de Almeida Maneschy, 61 anos, é natural de Belém, doutor em engenharia mecânica, funcionário público há 25 anos e tem carreira na educação. Professor titular da Universidade Federal do Pará, é membro do Conselho Superior da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), foi reitor da universidade durante 7 anos, tendo renunciado ao cargo para disputar a vaga de prefeito de Belém.

DOL
Publicidade