Sete pesquisas aferem sucessão

Publicidade
Foram longos 12 dias. Desde o dia 8 de setembro que registro algum de pesquisa eleitoral em Imperatriz foi visualizada no Sistema de Pesquisas do TSE, o Pesquele. Nesta campanha para a prefeitura e câmara, apenas duas pesquisas foram divulgadas na segunda capital do Maranhão, como costuma repetir o governador Flávio Dino.

Porém, desde o dia 20 e até a sexta-feira, 23, nada menos do que sete Institutos obtiveram o registro. Da segunda-feira, 26, até a quinta, 29, serão quase duas pesquisas divulgadas, diariamente. Mas, pode ter mais até 2 de outubro quando finalmente os eleitores se dirigem às urnas e fazem a pesquisa definitiva com margem de erro 0% e intervalo de confiança na casa dos 100%.

Escutec

Foi contratada por R$8.000,00 pelo Jornal Pequeno para apontar a preferência do eleitorado.  Tem o registro MA-01062/2016 e promete entrevistar 600 pessoas entre os dias 25 e 28 de setembro. A margem de erro é de 3,5% para mais ou para menos considerando o intervalo de confiança de 95%. É o último Instituto a divulgar o resultado, na quinta, 29.

Data Merita

A encomenda custou R$10.000,00 para a Rádio e TV Mirante. Já nesta segunda-feira, 26, as emissoras de radiodifusão estão autorizadas a divulgar o resultado colhido de 700 pessoas na quinta-feira, 22 e sexta, 23, com margem de erro de 5% para o intervalo de confiança de 95%.

Mais

Outros Institutos também obtiveram licença para publicação de pesquisas sobre a sucessão do prefeito Madeira, o tucano eleito em 2008 e reeleito em 2012.  São eles: Quallity, Data A-Z, Gauss e DataM

Numa eleição acirrada, a margem da Data Merita chama a atenção. Uma diferença de até 10% deve ser considerado empate técnico.
Clique na imagem para ampliar. A MA 09828/2016 é para Buritirana. Print Screen: Página do TSE
Redação






Publicidade

Publicidade