Apanhava do marido, esperou ele dormir e passou fogo

Publicidade

Mulher confessa à polícia ter matado empresário em Sertãozinho

O empresário de Sertãozinho-SP encontrado morto nesta terça-feira (29) pela manhã foi vítima da própria mulher.

Marluce de Figueiredo Borges, 26, confessou nesta quarta-feira (30) à Polícia Civil que matou o marido por vingança, porque apanhava dele.

Ela disse à polícia que esperou Diorges Luciano de Assis Pereira, 29, dormir para disparar duas vezes contra a cabeça da vítima. A arma que teria sido utilizada no crime, um revólver calibre 22, e roupas de Marluce foram apreendidas.

Apesar da confissão, Marluce não será presa porque não foi pega em flagrante.

A Cidade
Publicidade

Publicidade