Brasil vence e sai da lanterna para repescagem

Publicidade
William e Ricardo anotaram para o Brasil. Foto: Agência do Interior
Se as Eliminatórias Sul-Americanas terminassem agora, após duas rodadas, o Brasil seria o quinto colocado e teria assegurado uma vaga para disputar a Repescagem com um a seleção da Oceania. Uruguai, Equador e Chile foram as três seleções que mantiveram os 100% de aproveitamento em duas rodadas das Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2018. Após os cinco jogos disputados na segunda rodada, nesta terça-feira, os uruguaios lideram pelo melhor saldo de gols. Tem 5, contra 4 do Equador e 3 do Chile.

Raça Uruguaia

A raça do Uruguai, no lendário Estádio Centenário, superou a Colômbia, por 3 a 0, mesmo estando ainda sem suas duas principais estrelas: os atacantes Soarez, do Barcelona, e Cavani, do Paris Saint Germain.

O Equador, em casa, fez 2 a 0 sobre a Bolívia, enquanto o Chile foi até o Peru e ganhou por 4 a 3. Os chilenos, atuais campeões da Copa América, completou 10 jogos sem derrota. A quarta posição ficou com o Paraguai, com quatro pontos, por ter empatado sem gols, em casa, com a Argentina.

A quinta posição, que corresponde à vaga repescagem, ficou com o Brasil, com três pontos, ao vencer a Venezuela, por 3 a 1, na Arena Castelão, em Fortaleza (CE). A Colômbia também soma três pontos, mas fica em sexto lugar pelo saldo de gols: tem -1 contra 1 do Brasil.

Argentina em Branco

Com a ausência do astro Messi, a Argentina ainda não marcou na Eliminatória. Tinha perdido em casa para o Equador, por 2 a 0, e agora empatou por zero a zero com o Paraguai. Com um ponto é a sétima colocada. Três seleções ainda não venceram, acumulando duas derrotas: Peru, Venezuela e Bolívia.

Futebol Interior
Publicidade