Sônia Guajajara é vice de Guilherme Boulos

Publicidade
Sônia Guajajara e Guilherme Boulos. A chapa do PSOL foi lançada neste fim de semana durante a Conferência Cidadã. Até o ex-presidente Lula gravou vídeo desejando boa sorte.

A repercussão foi imediata. Nas redes sociais, internautas curtiram e compartilharam essa novidade da política brasileira.

Sônia Guajajara já recebeu o prêmio concedido a personalidades que apoiam os direitos humanos. A honraria que contou coma presença do líder camponês Manoel da Conceição foi concedida pelo Centro Padre Josimo de Promoção da Cidadania e dos Direitos Humanos de Imperatriz-MA.

Selecionamos um dos textos, da pesquisadora Ivana Bentes, de apoio à Sônia Guajajara e Guilherme Boulos.

Frederico Luiz

“Guarde seu pessimismo para dias melhores”. Foi num clima empolgante e de otimismo crítico, que redes, grupos, partidos, forças as mais distintas participaram da coalisão que lançou neste sábado a pré-candidatura de Guilherme Boulos e Sonia Bone Guajajara uma liderança dos sem teto e uma liderança indígena, como candidatos a Presidência do Brasil! Mesmo que você não vá votar neles, a plataforma balançou os binários, os desiludidos e os pessimistas, pois sua simples existência e suas pautas abrem o campo dos possíveis e articulam forças que estão na disputa de mundos.

O sistema eleitoral é restritivo , a configuração política atual é confusa, mas neste momento de crise as forças mais disruptivas estão conversando e se conectando. Boulos-Sonia é só um dos nomes de muitas outras configurações que podem emergir em um pós-lulismo crítico, mas generoso com seu legado!

O mais interessante é pensar que hoje pautas e causas são tão importantes quanto partidos e tendem a ser mais importantes que as estruturas engessadas e a bolha de cada um. A noite mágica teve de sem teto até morador de coberturas, trabalhadores, indígenas, mídia livre, movimento de mulheres, negros, periferias, lgbts, artistas, tudo e todos.

Sônia Guajajara e Boulos: além da caretice

A renovação da linguagem, para além da caretice e burocracia dos partidos também encantou: estetizando a política e politizando a estética. E há algo mais para se celebrar nessa conferência e confluência cidadã que juntou gregos e baianos: não era uma articulação óbvia, não seria possível se cada um ali ficasse cm seus dogmas e certezas, atirando pedras da sua “zona de conforto”, ali tinha gente com “mobilidade subjetiva”, de todos os partidos, redes e tribos, literalmente! Um feito para se celebrar! #conferênciacidadã

Fotos: Mídia Ninja

P.S E o próprio Lula apareceu para dar seu recado, em vídeo, para saudar e apoiar esse momento singular de beleza e lucidez





P.S.2 Essa não foi uma convenção do PSOL, apesar de importantes dirigentes do partido presentes, foi uma articulação de muitas frentes e dos que não estão presos aos “cercadinhos” políticos.
Advertisemen