-->

JV Campeão

Publicidade
O JV lideral, mesmo perdendo por 1x0 para o Sampaio Corrêa, sagrou-se campeão do primeiro turno da Copa União, torneio que garante ao vencedor, uma vaga na Copa do Brasil do próximo ano. Mais de 10 mil torcedores compareceram ao Estádio Frei Epifânio D’Abadia. O Tricolor de São Pantaleão começou jogando com Rodrigo Ramos do gol e a zaga com Fernandinho, Mímica, Johildo e Tica. O meio campo com André Ramos, Eloir, Samuel e Leo e o ataque com Tiago Miracema e Gabriel. O campeão, o Tricolor do Camaçari começou com Vicente no gol, a defesa com Roniery, Jackson, Joel e Jefferson. O meio com Vagno Pereira, Ismael, Kelson e Jhonatan e o ataque de Toninho e Valdanes.

O Jogo – Primeiro Tempo
O Sampaio ganhou o duelo no meio campo e teve maior posse de bola durante os noventa minutos. O JV pagou caro por não contar com seus dois meias titulares: Mazinho e Pelezinho, restando ao Trator partir para os contra ataques. Foi assim que aos cinco minutos, Valdanes ficou no mano a mano com Johildo que acabou comento penalidade máxima contra o atacante. O atacante do JV bateu o pênalti, mas desperdiçou a oportunidade batendo para fora no campo superior esquerdo do goleiro Rodrigo Ramos. Antes, aos três minutos, o volante Ismael, aproveitando outro contra ataque cabeceou na trave com Rodrigo Ramos já batido no lance. Aos nove minutos da etapa inicial, o meia Samuel da Bolívia cobrou escanteio e quase Tiago Miracema marca, o zagueiro do JV tirou em cima da linha. Aos 32 minutos, finalmente numa jogada construída, o atacante Samuel colocou sem chances e decretou o placar que se manteria até o final.

O Jogo – Segundo Tempo
No segundo tempo muito nervosismo e poucas chances reais de gol. O Sampaio chegava, porém concluía sem qualidade e o JV permanecia nos contra ataques. Aos 43 surgiram os primeiros gritos de “É campeão”. Como ganhou o primeiro jogo da decisão em São Luís, de virada, por 2x1, o Trator de Imperatriz que jogava por dois empates terminou com o título do primeiro turno.

Arbitragem
O árbitro central da partida, Mairon Frederico fez um excelente trabalho e seus assistentes, Roberto da Costa e José Jorge acompanharam seu nível técnico. Sem inverter faltas e apitando em cima do lance, o árbitro foi rígido no aspecto disciplinar, expulsou André Ramos do Sampaio aos 21 minutos do primeiro tempo e na segunda etapa colocou no chuveiro mais cedo, Joel (JV) aos 28 do primeiro tempo e Tiago Miracema (Sampaio) no finalzinho, aos 44 minutos. O goleiro reserva do Trator, Sandro Carioca também recebeu cartão vermelho.

Time de chegada
Dizem que a história não se repete, senão como farsa. Na decisão do campeonato maranhense do ano passado, o JV jogava também do empate em 180 minutos. Ganhou em São Luís de 1 a 0 e perdeu em casa por 2 a1. Time de chegada – Em dois anos, o JV disputou três finais: vice-campeão do Torneio de Acesso (Série B). Campeão Maranhense do ano passado e agora vai disputar outra final, da Copa União, pois já está na decisão como campeão do primeiro turno.
Advertisemen