Moradores, turistas e transeuntes aprovam reforma no Centro

Publicidade

Reconstrução de praças e preservação das ruas garantem movimento no Centro Histórico de São Luís-MA


“O Estado tem feito a parte dele recuperando e dando opções de lazer e cultura nessas áreas tão importantes para nossa história, só resta agora que a população faça sua parte em preservar e cuidar. Afinal tudo aqui é nosso, o Centro Histórico é nosso cartão postal”, afirma o taxista Raimundo Mesquita, que trabalha próximo à praça Valdelino Cécio, reformada pelo Governo do Estado, em parceria com a Prefeitura de São Luís, no ano passado.

Também fizeram parte do conjunto de obras que requalificaram e prepararam o Centro Histórico de São Luís para a alta temporada e festivais como o Mais Cultura e Turismo, Br 135 e Sesc Guajajara, a revitalização da Praça Nauro Machado e da Praça da Faustina; recuperação da escadaria do Beco Catarina Mina e das barraquinhas de artesanato e piso da Rua da Alfandega, além da recuperação dos monumentos históricos como a Pedra da Memória, o Coreto da Beira-Mar e a Pirâmide de Manuel Beckman. Todas com forte apelo turístico e social, já que a redemocratização desses espaços públicos contribui para a construção da cidadania de cidadãos e na recepção de visitantes.

A balconista Jhennyffer Sousa, é moradora da Rua da Estrela no Centro Histórico, e conta como a nova praça melhorou os momentos de lazer para a pequena Clara Sophia, de 1 ano e 8 meses. “Antes da reforma, a praça era escura e só abrigava pessoas que se aproveitavam da escuridão para fazer coisas ilícitas, mas agora está diferente. As famílias podem aproveitar esse espaço. Minha filha e eu somos frequentadoras da praça, sempre que tenho um tempo a trago para brincar aqui”, conta.

Se para os moradores as obras fazem a diferença, para comerciantes e pessoas que trabalham na região, não é diferente. Zé Preto é comerciante, trabalha com o pai num dos bares que ficam próximos à Praça da Faustina e conta o que melhorou com as intervenções. “Moramos aqui há 27 anos e acompanhamos de perto toda a mudança do Centro. Viver e trabalhar nesta área nos enche de amor por essas ruas e praças e isso nos faz zelar e cuidar de cada uma, principalmente depois que passaram por reformas. Quem quer que tente depredar este lugar vai encontrar muita gente para impedir”, conta o comerciante que afirma que agora é hora da população se conscientizar e manter os espaços conservados.

Já João Abreu, é servidor público e transita pela Praia Grande há vários anos. “Aqui é o local onde nossa cultura fala mais alto, nossa história está encravada nessas ruas, praças e prédios. Então nada mais justo do que manter este lugar como deve ser. Limpo e conservado para atrair mais pessoas e manter a movimentação tão importante para os comércios dessa área”, fala emocionado o servidor.

A revitalização dos cartões postais de São Luís também atinge o imaginário dos casais apaixonados, afinal, o que seria de apelidos como a ‘Ilha do Amor’ sem a presença de casais pelo Centro? O casal de estudantes, Hanna Marcela e Lucas Oliveira, conta animado que as ruas do Centro Histórico fazem parte da história do casal. “Praticamente começamos a namorar aqui e mantivemos o hábito de visitar o Centro Histórico e contemplar toda a nossa beleza arquitetônica e cultural. O trabalho de revitalização é importante para todos. O Estado tem feito a parte dele mantendo a segurança e realizando obras que melhorem o Centro Histórico. São Luís só tem a ganhar com essas ações”, explica a estudante.

Praças
Desde suas inaugurações, as Praças Nauro Machado, da Faustina e Valdelino Cécio abrigam manifestações culturais e completam a atmosfera cultural do Centro do Histórico. Voltando a serem pontos de encontro de turistas e da população maranhense. Além das melhorias estruturais, a Praça Nauro Machado, especificamente, também ganhou um posto policial da Companhia Independente de Turismo (CPTur), responsável pela segurança em toda a região do Centro Histórico da capital.

Fabiana Akira, Agência Maranhão de Notícias

Fotos de Ocenir Júnior

Praça Faustina

João Abreu, funcionário público, aprovou a revitalização

Praça Valdelino Cécio

Praça Faustina

Praça Nauro Machado

Raimundo Mesquita, taxista, feliz com as melhorias

Comerciante João Preto: venda aumentaram
Publicidade

Publicidade