Wellington destaca gestão fiscal eficiente

Publicidade
O governador Wellington Dias participará da abertura do ano legislativo do Piauí nesta quinta, 2, com a leitura do balanço das ações de 2016 e os planos e estratégias para o ano de 2017. Ele aponta que o piauiense tem motivos para ter otimismo e continuar acreditando no futuro, pois o que vem sendo feito no estado tem como foco a transformação da realidade para beneficiar a todos, a expansão econômica e a permanência de investimentos em obras.
A mensagem será de avaliação e de otimismo para parcerias entre os âmbitos da administração pública e irá destacar os principais eixos e perspectivas de crescimento do Estado para os próximos meses.

Para Wellington, o Piauí tem razões para ter otimismo e confiança no futuro, pois em razão da eficiência administrativa foi possível construir uma política de estado para garantir o equilíbrio fiscal de longo prazo.

O governador destaca que o Piauí, como todos os estados da Federação, enfrentou dificuldades. “Mas ao contrário de muitas das unidades federativas não incorreu em atraso ou parcelamento de salários a servidores”, diz o governador, enfatizando que o Estado não apenas cumpriu sua obrigação, mas manteve as contas equilibradas.
O governador destaca, na mensagem, o aumento da arrecadação própria entre janeiro e novembro de 2016 na ordem de 7,91% na comparação com igual período do exercício fiscal anterior.

Mesmo sendo um ano difícil para o país, o Piauí conseguiu melhorias na qualidade da escola pública, com ampliação do acesso à escola de tempo integral, implantação do Programa Poupança Jovem, implementação do Programa Jovem de Futuro, investiu na ampliação de leitos de UTI nos hospitais de Floriano, Oeiras e demais municípios.
O governador também cita o incentivo e investimento na produção de energia limpa e assegura que o Piauí já responde por 8,2% dessa energia limpa e renovável gerada no país.



Segundo o governador, o Piauí não vai parar, pois há um grande número de obras em execução e há uma gestão fiscal eficiente e boa governança, que proporcionou no período de janeiro a novembro um acréscimo na receita própria do estado no valor R$ 260,6 milhões e houve redução nas despesas de custeio no valor estimado de R$ 150 milhões, o que permitiu a realocação de gastos e a manter as contas em dia.

Investimentos em educação e saúde foi além do limite
Com a gestão eficiente, foi possível ultrapassar limites de gasto nas áreas prioritárias da saúde e da educação, o Governo também investiu na modernização tributária, premiou os cidadãos através da Nota Fiscal, manteve o controle da folha e permitiu economia de R$ 80,7 milhões. “Temos o olhar atento nas contas públicas”, afirma o governador, enfatizando que a crise não paralisou obras que vinham sendo realizadas. “Temos o monitoramento dessas obras”, relata Wellington, acrescentando que o estado tem gestão orçamentária e financeira mais eficiente, o que permite um planejamento mais amplo e participativo, além de garantir credibilidade para se captar mais recursos através operações de crédito.

Transformar a realidade em benefício de todos. “Esse é um dos focos de nossa gestão, que tem ampliado o acesso a serviços médicos especializados nas diferentes regiões do estado”, informa o governador, citando os programas Olhar Bem, que de dezembro de 2015 a junho de 2016, com mais de dez mil cirurgias de catarata. Entre consultas e exames, foram mais de 130 mil atendimentos. O governador cita ainda os programas Amigos do Peito e a atuação do Hospital Getúlio Vargas, que fez mais de 1500 procedimentos cirúrgicos.

Na saúde, houve aumento de investimento e foi possível reestruturar e melhorar a rede hospitalar estadual e houve ampliação do atendimento materno-infantil.
Em 2016, a população piauiense experimentou avanços na inclusão social, com o programa Praia Acessível. Na educação, o governador destaca a nota azul do IDEB, ampliação da oferta de ensino em tempo integral e em 2017, mais 22 escolas serão adaptadas para este sistema.
Wellington destaca a preparação de cursos preparatórios para o ENEM, que alcançaram estudantes de todo o Piauí, o reforço do ensino profissionalizante e na cultura, reforma e reestruturação dos espaços culturais.

Apoio à produção de energia limpa
Na mensagem, o governador fala sobre a expansão econômica, sustentável e inclusiva, com mais de 100 mil famílias de agricultores familiares atendidos com mudas e sementes e anuncia também o investimento de de U$ 33 milhões de dólares no Programa Viva Semiárido, que contempla 88 municípios.
O governador também aborda o apoio à produção de energia solar e o apoio técnico a empreendedores em mineração.
Wellington cita os investimentos e obras para um Piauí mais desenvolvido. Segundo o governador, são obras de saneamento em áreas urbanas e rurais, apoio ao desenvolvimento urbano, abastecimento de água, regularização fundiária. Na mensagem, o governador traz um relatório de obras concluídas, com total de recursos aplicados e localidade.

Na mensagem, o governador deixa claro que o Piauí, apesar do cenário econômico desfavorável, seguiu o seu caminho rumo ao desenvolvimento.

Coordenação de Comunicação do governo do Piauí
Publicidade