Fantástico: Federais ajudaram Calero a gravar Temer

Publicidade

Em entrevista ao Fantástico, Calero admite ter gravado Michel Temer

Neste domingo, 27/11, as atenções do universo político estarão voltadas para a entrevista que o ex-ministro da Cultura Marcelo Calero concedeu à jornalista Renata Lo Prete.

Um teaser exibido no “Jornal Nacional” deste sábado (26) demonstra o potencial das revelações feitas pelo diplomata ao programa “Fantástico”, da Rede Globo.

Calero admite ter gravado o presidente da República, Michel Temer, e outros integrantes do governo. O diplomata contou que pediu orientações a “amigos policiais federais”.

Segundo Calero, as gravações das conversas com Temer foram feitas por telefone.


Na dia 18 de novembro, o diplomata deixou o cargo e informou à Polícia Federal que gravou o presidente Michel Temer, os ministros Eliseu Padilha (Casa Civil) e Geddel Vieira Lima (Secretaria de Governo). Ele acusa Geddel e o presidente de terem lhe pressionado para aprovar a construção de um edifício em área tombada de Salvador. Geddel seria um dos beneficiários com a construção, já que é dono de um apartamento no prédio em questão.

A denúncia do ex-ministro da Cultura abriu uma crise no governo, que provocou o pedido de demissão de Geddel na última sexta-feira (25/11).

Priscilla BorgesMetrópoles
Publicidade