Espaço Sensorial é atração da FeliS

Publicidade
Recursos de acessibilidade para leitura e escrita estão chamando a atenção dos visitantes da 10ª Feira do Livro de São Luís no ‘Espaço Sensorial’ da Biblioteca Pública Benedito Leite (BPBL), equipamento cultural vinculado à Secretaria de Estado da Cultura e Turismo (Sectur). A 10ª FeliS começou na segunda-feira e segue até este domingo (13) na Praia Grande, centro histórico.

José Ribamar Mesquita, 65 anos, deficiente visual desde os 12 anos de idade, se orgulha de conhecer e utilizar vários meios de acessibilidade. Formado em Letras e com especialização em educação especial, mostra seu celular com programa de leitor de tela, um dos muitos recursos que usa no dia a dia. Na Feira do Livro aproveitou para visitar o espaço da Biblioteca Pública e da Semed, onde sentou para jogar Dama adaptado em braile com as monitoras. Para ele hoje o número de pessoas que utiliza recursos de acessibilidade já é maior. “Antigamente era comum pais de crianças com deficiência visual dizerem ‘pra que estudar’, hoje a realidade é bem diferente”, destaca Mesquita.

Visitantes marcam presença na 10ª FeliS que começou na segunda-feira e segue até domingo (13) na Praia Grande

Visitantes marcam presença na 10ª FeliS que começou na segunda-feira e segue até domingo (13) na Praia Grande
10ª FeliS começou na segunda e segue até domingo, 13, na Praia Grande. Fotos: Agência de Notícias Maranhão
A Biblioteca Pública Benedito Leite está com vários equipamentos de tecnologia assistiva instalados na Feira do Livro. Os visitantes poderão conhecer o computador com programa de voz, que possibilita ouvir a descrição do que é exibido na tela, a impressora em braile e o scanner de voz, lupa eletrônica para pessoas com baixa visão, entre outros. Além dos equipamentos os visitantes poderão assistir filmes e vídeos com audiodescrição, e folhearem vários livros em braile e audiolivros.

“Atualmente, a Biblioteca dispõe em seu acervo 2.800 livros com recursos de acessibilidade, 844 audiolivros, 42 filmes com audiodescrição, além do tablet Hand Talk, aplicativo que traduz conteúdo para libras, facilitando a comunicação entre surdos e ouvintes”, informou Luana Bezerra, do setor de informática da Biblioteca.

A Biblioteca Benedito Leite ocupará o Espaço Sensorial, das 13 às 21h, durante os dias de realização da 10ª FeliS, compartilhado o lugar com a Secretaria de Educação do Município (Semed), que realizará oficinas inclusivas e outras atividades voltadas para a educação especial.

Agência de Notícias Maranhão
Publicidade