A equipe do prefeito Assis Ramos

Publicidade
Segundo o jornal O Progresso e em notícias disparadas nas redes sociais, o prefeito eleito de Imperatriz, Delegado Francisco de Assis Ramos (PMDB), já está praticamente com todos os nomes que devem compor seu governo a partir de janeiro de 2017.

Assis já teria feito convites a várias técnicos e políticos para assumirem cargos no 1º escalão de seu governo. Segundo se pode constatar com facilidade, boa parte dos nomes anunciados são pessoas pouco conhecidas da população, mas que segundo o futuro gestor de Imperatriz são capazes e aptos a fazerem a grande revolução administrativa prometida pelo mesmo durante sua campanha.
Delegado Assis Ramos, prefeito eleito de Imperatriz. Foto: Imirante
Dois nomes são bastante conhecidos e chamam a atenção pelo fato de já terem participado de administrações anteriores, tanto em nível municipal quanto estadual, como por exemplo Remi Ribeiro, um dos fundadores do PMDB no Maranhão, tendo sido inclusive candidato a prefeito de Imperatriz pela sigla, e o jornalista Sérgio Macedo, que já foi secretário de comunicação em duas gestões do ex-prefeito Ildon Marques e, mais recentemente, secretário de estado da Comunicação no governo Roseana Sarney.

Os nomes que deverão compor o seu secretariado são:
Saúde – Alair Firmiano - Confirmado
Agricultura – Paulo Marcelo - Confirmado
Controladoria Geral – Paulo de Tarso - Confirmado
Meio Ambiente - João Silva - Ainda não respondeu
Governo - Marlon Moura - Confirmado
Desenvolvimento Social – Fátima Avelino - Confirmado
Sedel/Juventude -Major Jenilson- Ainda não respondeu
Regularização Fundiária – Alcemir Costa - Confirmado
Comunicação – Sérgio Macedo- Ainda não respondeu
Trânsito – Leandro Braga - Depende da liberação do órgão em que trabalha
Administração – Remi Ribeiro - Confirmado
Ouvidoria – Carlos Lima – Confirmado
Desenvolvimento Econômico/Industria e Comércio – Eduardo Souza – Confirmado
Educação – Delegado Josenildo José Ferreira – Confirmado
Chefe de Gabinete – Marcelo Moreno – Confirmado

Ainda não foram escolhidos os nomes para as secretarias de Fazenda, Infraestrutura, Mulher e Cultura,

Segundo O progresso, Assis Ramos, se encontra em Brasília, onde terá audiências com os senadores Edison Lobão e Roberto Rocha e o deputado Aluísio Mendes, para tratar sobre emendas para a cidade.

Também destacou o que espera da transição com a atual gestão Madeira que, para ele, tem dado demonstração de que estará colaborando para fornecer todas as informações da estrutura municipal e dos recursos.

Na ocasião, anunciou os nomes da Comissão de Transição que estará integrada à comissão do Governo Municipal para detalhamento das ações, recursos, convênios e despesas do município. Integram a Comissão de Transição do prefeito eleito:

Remi Ribeiro, Rodrigo do Carmo, Marco de Carvalho Simão, José Oliveira, Isabel Mirian Leite Macedo, Marlon Moura, José Antonio e Valmir Araújo.

Assis Ramos fez questão de assegurar, mais uma vez, que nenhum parente seu assumirá cargo de secretário em sua gestão. “Ora, se combato o nepotismo, como poderei, na minha própria administração, contar com parentes ocupando cargos?”, indagou ele.

Também pretende, após receber o raio-x da Comissão de Transição, detalhar a reforma administrativa. Por enquanto, pelo que ele pensa em fazer, é separar a Sepluma; fusão da Sedel e Juventude e Desenvolvimento Econômico com Indústria e Comércio. “Quero otimizar a administração municipal”, afirmou.

Secretariado

De acordo com informações dadas pelo prefeito eleito, vários nomes foram convidados para assumir cargos de secretário, mas alguns ainda dependem da liberação dos órgãos em que prestam serviços.

Josué Moura
Publicidade