Gestantes e familiares recebem orientações

Publicidade
Para que as mulheres possam dar à luz de forma natural e humanizada na assistência, gestantes são preparadas para todas as fases da gravidez, do parto ao pós-parto, durante encontros gratuitos com profissionais especializados, na Maternidade Benedito Leite, unidade vinculada à Secretaria de Estado da Saúde (SES). A ação, que iniciou neste sábado (17), segue até 28 de outubro, com rodas de conversas semanais, apresentações de vídeos, palestras, entre outros, nas dependências da unidade.

"Estamos dando muita importância à divulgação do parto humanizado, parto em que praticamente você não usa nenhum tipo de medicamento, em que é possível reduzir a dor do parto para o mesmo ocorra da forma mais tranquila. Mesmo sem usar medicamento, somente com algumas condutas do fisioterapeuta, da enfermeira obstetra e dos técnicos, onde a paciente vai escolher a forma que ela quer ter o bebê: cócoras, dentro da banheiro ou utilizando uma posição especifica. Precisamos mostrar e orientar para que a gestante conheça e faça melhor opção”, explicou o médico obstetra, Hilmar Ribeiro Hortergal, diretor da Maternidade Benedito Leite.

Imagens da maternidade na lente de Francisco Campos

Gestantes e familiares recebem orientações sobre a gravidez, parto e pós-parto na Maternidade Benedito Leite‏

Gestantes e familiares recebem orientações sobre a gravidez, parto e pós-parto na Maternidade Benedito Leite‏

Gestantes e familiares recebem orientações

Mesmo na terceira gestação e cumprindo todas as orientações do pré-natal no Posto de Saúde da Vila Janaina, Fabiana Nazareno, de 27 anos, aproveita novas oportunidades de aprendizado sobre a gestação e divide todas as informações com os filhos de 7 e 8 anos. “Recebo muitas orientações durante o pré-natal. Hoje, trouxe meus filhos para participarem da sessão de cinema. Eles são muito curiosos e já têm idade para entender melhor a minha gravidez”, explicou Fabiana Nazarena.

Sara Nazareno, de 8 anos, aguarda com muita expectativa a chegada da irmã caçula, Hadassa. “Eu quero ajudar a mamãe. Nós vamos brincar muita com a minha irmãzinha: eu vou ser a rainha, ela a princesinha e o meu irmão, o rei”, planeja Sara.

A estudante Adriane Saraiva Silva, de 25 anos, completou seis meses de gestação. Ela aguarda o nascimento da pequena Alice. Acompanhada do marido, Luison Alves, de 31 anos, que estreia no papel de pai, participaram da roda de conversa para receber orientações e expor dúvidas sobre a gestação, parto e pós-parto.

"A presença do meu marido é muito importante pra mim nos encontros de orientação e nas consultas do pré-natal. É o primeiro filho dele", disse Adriane Saraiva.

Rodas de conversa

"Como lidar com os desconfortos de cada trimestre de gestação" é o tema do próximo encontro com as gestantes e familiares, previsto para a próxima sexta-feira (23). E, ainda, "Preparação para o parto (30/9); "Amamentação" (14/10); "Dor do parto" (21/10) e "Cuidados com o recém-nascido (28/10).

Parto humanizado

A Maternidade Benedito Leite, em julho deste ano, realizou o primeiro parto humanizado da rede pública de saúde. O atendimento conta com o apoio da família na hora do parto, assistência de diversos profissionais e técnicas especificas de relaxamento.

Andréa Gonçalves
Publicidade

Publicidade