Flávio Dino inspeciona operações policiais

Publicidade
O governador Flávio Dino visitou vários bairros e Terminais de Integração de São Luís na noite desta quarta-feira (28). Após os ataques criminosos a ônibus ocorridos na última terça-feira (27), uma força-tarefa tem sido realizada pelo Sistema de Segurança do Estado para garantir a proteção dos ludovicenses e a normalidade do transporte coletivo.

Durante toda quarta-feira (28), as Polícias Militar e Civil e o Corpo de Bombeiros traçaram estratégias para combater os atos criminosos e evitar novas ocorrências. O governador iniciou a inspeção por volta das 21h30 nos Terminais de Integração da Praia Grande e do São Cristóvão, e conferiu o trabalho das Forças de Segurança nos bairros do Coroadinho, São Cristóvão, Alemanha, Monte Castelo e Centro.

Imagens da Agência de Notícias Maranhão





Ele atestou que os ônibus circularam normalmente durante a noite e o policiamento estava ostensivo nos bairros de São Luís. “Estamos usando a máxima capacidade do Estado para conter os que se acham acima da lei. Maior mobilização possível”, ressaltou Flávio Dino.

No ponto final dos ônibus do Coroadinho, o governador Flávio Dino conversou com os policiais que faziam a segurança da localidade, e ouviu elogios de funcionários do transporte coletivo e de moradores, que destacaram a rapidez e efetividade das respostas aos ataques.

O motorista Antônio Francisco Martins, que trabalha fazendo a linha Vila Conceição/João Paulo, elogiou a postura do governador de sair do gabinete para visitar a população e conferir de perto a realidade das operações que estão sendo realizadas. “Essa atitude mostra que ele está preocupado com a situação”, observou.

Morador do Coroadinho há 30 anos, Ubiratan de Jesus disse que nunca tinha visto um governador pisar no bairro. “Ele está de parabéns. Essa preocupação faz com que a gente confie mais nas autoridades”, enfatizou.

Aldeia Global publicou sobre Segurança Pública no Maranhão:
Coronel Frederico: "Papel da PM é de isenção"
Major da PM é preso em flagrante

As Forças de Segurança do Estado seguem fazendo a escolta dos ônibus, monitorando os pontos finais e fazendo revista no interior dos veículos para prevenir qualquer novo incidente. Além disso, as Polícias Militar e Civil permanecem realizando prisões e identificando suspeitos de incêndio a ônibus na capital.

Escolta policial a coletivos reforça ações de segurança
Além do policiamento nos pontos finais dos ônibus em toda a região metropolitana, as forças policiais estão realizando escolta policial permanente e por tempo indeterminado nos ônibus. A medida, que já está em vigor, reforça as operações ‘Cerco Total’, ‘Exôdus’ e ‘Busca Implacável’, em execução pela SSP e que combatem especificamente ocorrências nos coletivos.

Rafael Arrais
Publicidade

Publicidade