Aluno do Nova Vitória passou para o Palamento Jovem

Publicidade
A Câmara Federal divulgou, nesta sexta-feira (19), o resultado final do processo seletivo do Programa Parlamento Jovem Brasileiro (PJB), com a relação dos nomes dos alunos de cada Estado. No Maranhão, três estudantes foram selecionados para representar o Estado.

Ao todo, 56 projetos foram inscritos no programa, de estudantes de escolas da rede pública e particular do Maranhão. Após processo de pré-seleção, realizado por uma comissão Estadual que analisou e avaliou os projetos inscritos no Maranhão, 12 projetos de lei foram pré-selecionados (quantitativo proporcional para o estado) e enviados à comissão da Câmara Federal para participar da etapa final classificatória.

De acordo com o site do programa, dos cinco inscritos que obtiveram as maiores notas do País, os dois primeiros são estudantes do Maranhão.

Confira a relação dos aprovados:

  1. Arão Salatiel das Merces Mota – Ifma Monte Castelo-São Luís
  2. Jailson Soares da Silva – Centro de Ensino Nova Vitória – Imperatriz
  3. Victor Matheus Choucino – Colégio Adventista de São Luís – São Luís
Segundo orientação do Manual de Procedimentos do PJB, os estudantes devem aguardar o contato da Câmara Federal e da Coordenadora Estadual, para novas recomendações e providências para preparação, orientação e estudo do material, visando a viagem e a Jornada Parlamentar em Brasília, que ocorrerá de 25 a 30 de Setembro de 2016.

O Parlamento Jovem Brasileiro é um programa que simula uma jornada parlamentar de jovens estudantes, com idade entre 16 e 22 anos. O PJB tem por finalidade possibilitar aos alunos de escolas públicas e particulares a vivência do processo democrático mediante participação em uma jornada parlamentar na Câmara dos Deputados, com diplomação, posse e exercício do mandato. Em paralelo a isso, o programa também visa estimular nas escolas a discussão de temas como política, cidadania e participação popular.

“A importância da divulgação e a conscientização buscando participação dos nossos alunos no PJB e nos outros programas Jovens como programas de política pública responsável pelo empoderamento dos jovens envolvidos com projetos de formação cidadã e exercício da democracia”, destaca a coordenadora estadual do programa, Professora Rose Carvalho.
Publicidade