Weverton Rocha: A luta continua

Publicidade
Weverton Rocha

No último domingo, 1º de fevereiro, iniciei o meu segundo mandato na Câmara Federal, fruto da confiança depositada por 81.161 maranhenses que acreditaram no meu trabalho, nas minhas propostas e me possibilitaram continuar representando-os em Brasília.

Passado os primeiros sete dias da 55ª Legislatura, quero dar destaque às ações importantes para a reorganização e retomada dos trabalhos da Casa e minhas primeiras ações deste novo mandato.

Câmara Federal
Plenário da Câmara Federal durante a posse dos deputados em 1º de fevereiro
No dia 1º, além da posse, tivemos a eleição da Mesa Diretora da Câmara, que consagrou o deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ) como presidente e o parlamentar maranhense, Waldir Maranhão (PP), como vice. Desejo uma boa gestão à nova equipe e parabenizo o deputado Waldir Maranhão pelo sucesso da sua articulação política, que o possibilitou ocupar o segundo cargo mais importante da Casa.

Na segunda-feira, 2, tivemos a primeira reunião da bancada federal maranhense, na qual o deputado Pedro Fernandes foi aclamado como novo coordenador. A escolha, muito justa, reflete a capacidade de liderança, a experiência e a facilidade de relacionamento de Pedro Fernandes com todos os parlamentares e, tenho certeza, de que ele fará um grande trabalho neste novo momento que se inicia.

Durante a reunião da bancada discutimos, também, sobre a Reforma Política, Reforma Tributária e sobre a descontinuidade do projeto da Refinaria Premium I. Sobre este último tema [inquietação antiga], compartilhei com os presentes, que em 2013 e 2014, levei essa discussão para a Comissão de Desenvolvimento Urbano e, inclusive, solicitei audiência pública com o Ministério de Minas e Energia e a Petrobras para apurar os motivos que levaram a empresa a paralisar as obras da refinaria. Dos vários convites feitos à direção da estatal para dialogar sobre o assunto, apenas recebemos, por escrito, explicações alegando que a paralização das obras era devido a problemas climáticos. Continuarei a minha luta, que agora será somada à dos demais parlamentares, para que esse projeto, que representa o sonho de milhares de maranhenses, tenha continuidade e traga o desenvolvimento que foi prometido ao Maranhão.

Na contramão do impacto negativo gerado pelo anúncio de cancelamento da refinaria, obtivemos, nesta semana, uma importante vitória para nosso estado. Na quarta-feira, 4, na primeira sessão deliberativa desta legislatura, foi aprovado no plenário, em segundo turno, a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 197/12, do comércio eletrônico, que fixa novas regras para incidência do ICMS nas vendas de produtos pela internet ou por telefone. Para o Maranhão, essa PEC, que teve meu total apoio, representa o aumento da arrecadação tributária, sem que os preços dos produtos tenham de ser reajustados. Com essa alteração podemos arrecadar, só com o segmento do e-comerce, cerca de 100 milhões de reais anuais.

Ainda como parte da agenda cumprida esta semana, destaco a reunião com os parlamentares da bancada do PDT; visita ao presidente da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf), Elmo Vaz, para tratar de importantes projetos para o Maranhão; reunião com o ministro do Trabalho e Emprego, Manoel Dias, que, reafirmou a sua disponibilidade para contribuir com os interesses do estado; e visita do secretário estadual de Agricultura, Márcio Honaiser, que esteve em Brasília cumprindo agenda junto ao Ministério da Agricultura.

A minha luta em busca de um Maranhão melhor e mais digno para os mais de sete milhões de habitantes continua nos próximos dias, ou melhor, nos próximos quatro anos. Continuarei levantando a bandeira por uma educação pública de qualidade, pelo fomento ao esporte, pela qualificação de jovens e em defesa das populações atingidas por áreas protegidas. Estarei, também, à disposição para colaborar e somar forças com o novo governo, que inaugura, de fato, um novo tempo. Eu me sinto, particularmente, honrado em ter podido ser parte desse movimento histórico de mudança e, mais, honrado em poder afirmar, sem medo, que, em pouco mais de um mês, o Maranhão vive um momento de respeito, diálogo e renovação, e que o governador Flávio Dino (PCdoB) já imprimiu um ritmo diferenciado na solução dos problemas do Estado, principalmente no que tange às áreas sociais e da educação.

Juntos somos fortes!

Nota do editor da Aldeia: Weverton Rocha é deputado federal pelo PDT-MA
Publicidade